Número total de visualizações de página

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

12. A notícia e o seu contraditório.

 A notícia e o seu contraditório. 
   12.1. Para se entender o alcance e o protagonismo de uma notícia sugiro uma visita de consciência liberta e um sentido de realismo ao seguinte  Blogue Santa Isildinha: o Terceiro segredo de Fátima,  e a Revelação de Jesus ao Padre Pio, e neste mesmo blogue uma visão científica por Karl Bunn Presidente da Fundação Samael Aun Weor
Curitiba - PR - Brasil - XLVI Ano de Aquário.

  Neste mesmo espaço irei pormenorizar o contraditório desta questão.
12.2 Roma em pânico com profecia sobre terramoto ۞
   Nesta data Terça-Feira, 10 de Maio também consta notícia de profecia para amanhã. Muita gente programa a sua vida em função do hipotético acontecimento.

1 comentário:

  1. Comentário de Rogoneto

    O meu comentário vai num sentido oposto ao todo o conteúdo deste blogue.(Santa Isildinha)
    Respeito contudo toda a montanha de trabalho nele contida, e o modo como se acredita, e se promove a Fé. Em 2013/14, se cá estivermos voltarei a comentar no mesmo tema acentuando que todas e quaisquer profecias são como apostas em probabilidades ainda que com algum fundamento científico e ou social podem efectivamente acontecer.
    Não sou própriamente um ignorante em matéria religiosa. Até sou baptizado, crismado e frequentei catecumenato para adultos durante mais de uma década e conheço a Teologia que me foi ministrada. Após estudo muito reflectido, diria que sou cristão numas coisas,
    agnóstico noutras e ateu em muitas outras. Pela liberdade de pensamento e expressão
    tenho como lema: Na era digital a verdade é inviolável. Não pactuo com a mentira nem o falso testemunho em liberdade, e gostaria que os meus semelhantes e a humanidade no seu todo não promovesse convicções e previlégios de poderes acima das capacidades de cada um ou de todos em geral. O propósito deste comentário é demarcar-me para que outros que me possam ler vejam também no meu testemunho, capacidade de opção de opinião e pensamento, como eu próprio a conquistei. Se o autor do blogue não aprovar o comentário e regeitá-lo, estará no seu pleno direito e não o censuro por isso.A selecção de conteúdos com critério construtivo de referências poderá ser importante no contexto.

    5 de maio de 2010 21:13
    PS.
    O dever de responsabilidade, ditou-me tomar esta posição, não se pode anunciar ao mundo uma data para o seu fim, reunindo vários meios de referência de peso sem que haja uma autoridade
    que assuma a protecção das pessoas sujeitas a este tipo de profecias.

    ResponderEliminar